cropped-Airechtas-Conferencia1.png

Palestras:

Erik Wroblewski

Palestrante: Erik Wroblewski

Tema: A sociedade Celta e a Busca pela Honra.

Palavras-chave: Sociedade Céltica, Mitologia, Honra.

Resumo: Dentro dos mais diversos aspectos sociais apresentados pelos povos célticos, a honra do indivíduo e de sua família era vital, pois além de determinar como estes eram vistos pela sociedade, também determinavam sua estatura dentro desta. Nesta apresentação, iremos abordar alguns dos mecanismos de reconhecimento, recompensa e retaliação social que estavam ligados ao status e à honra, tendo como base o relato da Táin Bó Cúailnge, versão LL, exercendo um diálogo com fontes primárias e biográficas, sobretudo no que concerne aos tratados legais, a fim de tentar compreender como este conceito de honra era exercido pelos celtas irlandeses antes da conversão ao cristianismo.

 

Ana Elisa Bantel

Palestrante: Ana Elisa Bantel

Tema: As origens da cultura Celta no Oeste Europeu.

Palavras-chave: Pré-história, megalitismo, genética.

Resumo: A palestra aborda o diálogo entre estudos arqueológicos e de genética acerca das migrações ocorridas em período pré-histórico entre a Península Ibérica, Ilhas Britânicas e Península da Armórica, bem como o patrimônio cultural legado pelos povos envolvidos: megalitismo, imaginário e religiosidade, e, sua influência sobre a Cultura Celta.

 

Cassia Dias

Palestrante: Cássia Dias

Tema: Geobiologia Druídica e a Arte do Habitat Saudável.

Palavras chave: Arte Zahori, habitat, saúde.

Resumo: Reconhecida como “A Medicina do Habitat”, admite-se que o conhecimento da Geobiologia remonta o legado dos druidas. Na Europa, os antigos celtas e druidas, já se preocupavam com as energias emitidas pela Terra e são tidos como os primeiros a utilizar dólmens, meníres e cromelechs, com finalidades práticas no sentido de obter melhores colheitas, desenvolver a consciência, o bem-estar, e a saúde. Partindo dessa premissa buscamos entender como se dão os aspectos desse conhecimento denominado Arte Zahori, sua associação com os povos antigos e a importância nas relações do homem com o meio em que vivem.
 

Marina Holderbaum

Palestrante: Marina Holderbaum

Tema: Ritual e Simbolismo: adaptação do mito à prática.

Palavras-chave: mito, ritual, Antropologia.

Resumo: Este estudo tem como objetivo apresentar algumas das maneiras como a Antropologia e suas diversas teorias podem auxiliar pesquisadores e praticantes no entendimento e desenvolvimento do processo ritual de culturas e sociedades “tradicionais”. Utilizando estas leituras, aplicadas a mitos e simbolismos da Irlanda Céltica, pretendemos demonstrar como é possível compreender e incorporar os elementos deste “universo céltico” nas práticas Recosntrucionistas atuais, levando em conta o contexto da sociedade moderna.

 

Wallace William de Sousa

Palestrante: Wallace William de Sousa

Tema: A Estratificação Social no Mundo Céltico e sua Influência no Neopaganismo.

Palavras-Chave: Sociedade Céltica, Mitologia, Neopaganismo, Druidismo, Reconstrucionismo Céltico.

Resumo: As sociedades célticas, enquanto indo-europeias, possuíam um forte sistema de classes sociais definidas e a interação entre elas é um dos pilares referenciais para o estudo desse conjunto de culturas, bem como fonte de inspiração para os que buscam resgatar antigos elementos destas em sua prática espiritual contemporânea . Nesta atividade conheceremos um pouco sobre a estrutura social básica da sociedade céltica (em comparação com a de seus povos aparentados), suas transformações ao longo do tempo e da migração geográfica, e como ela termina por influenciar o movimento neopagão atual, principalmente os grupos pertencentes às linhas de pensamento e religião chamadas de Druidismo e Reconstrucionismo Céltico.

 

Leandro

Palestrante: Leandro MacLorihem

Tema: Instrumentos musicais dos povos Célticos e a Gaita De Fole.

Palavras-chave: instrumentos Celtas, gaita de fole, whistles, bodhran.

Resumo: Nos últimos dez anos a música que chamamos de “Celta” vem crescendo dentro do mercado nacional, e um crescente número de novos apreciadores e fãns deste estilo musical vem se tornando visível nas redes sociais, mas o que é música Celta? E quem eram estes Celtas? E quais os instrumentos que caracterizam este estilo musical, quais as variantes musicais e como estes estilos representam um povo e uma cultura. A gaita de fole como instrumento mais simbólico da cultura Celta é colocada em debate, suas origens e suas variações com o passar dos milênios, o instrumento tocado como forma de encanto e invocação, a sua origem mística e o som das florestas.

 

José Paulo Almeida

Palestrante: José Paulo Almeida

Tema: Despertar: Como os Druidas Renasceram no Século XVIII.

Palavras-chave: renascimento, druidas, século XVIII.

Resumo: Nesta palestra falaremos sobre os aspectos que levaram ao Renascimento Druídico, sobre as linhagens surgidas nesse período e como influenciaram o druidismo moderno. O foco será nas pessoas que proporcionaram que a Tradição dos Druidas, adormecida há séculos, pudesse voltar timidamente à ativa até tornar-se algo público. Através de fatos e fotos iremos ilustrar e desmistificar temas obscuros e lendários, tentando dar ao praticante druidista uma visão mais clara sobre a história da Tradição.

 

Mesa Redonda

Tema: Conceitos Básicos: o que são Druidismo e Reconstrucionismo Celta.